Microsoft desiste da aquisição da Yahoo - Pretog News
Pretog News: Microsoft desiste da aquisição da Yahoo

Stephen Ballmer, presidente da empresa, disse que oferta foi retirada porque não se chegou a acordo sobre preço


A Microsoft anunciou ontem que desistiu da proposta de aquisição do Yahoo, uma vez que não houve consenso entre as partes sobre o preço a ser pago pela companhia. As negociações fracassaram após um encontro na manhã de sábado, em Seattle, entre o presidente da Microsoft, Steven Ballmer, e o presidente e fundador do Yahoo, Jerry Yang, de acordo com uma fonte que foi informada das negociações.

Na reunião, da qual participou também um outro fundador do Yahoo, David Filo, e Kevin Johnson, da Microsoft, Ballmer aumentou a oferta da Microsoft para US$ 33 por ação. Entretanto, Yang disse que não venderia sua empresa por menos de US$ 37.

A decisão da Microsoft de desistir do negócio encerra uma novela de três meses que começou com uma oferta não solicitada para adquirir o Yahoo, em uma tentativa da Microsoft de se tornar mais eficiente na competição com o Google em sites de busca, publicidade e serviços na internet.

O Yahoo rejeitou a oferta por diversas vezes, afirmando que sua companhia estava subavaliada. A Microsoft chegou ameaçar algumas vezes de diminuir a oferta inicial, de US$ 44,6 bilhões, ou US$ 31 por ação.

Na noite de sábado, a Microsoft divulgou uma nota falando da desistência e também uma carta de Ballmer para Yang, na qual o presidente da Microsoft afirma que não faria sentido seguir numa disputa lenta e lançar uma campanha de procuração para conseguir apoio para uma fusão. "Nossas discussões com você nos levou a concluir que, nesse ínterim, você faria coisas que tornaria o Yahoo indesejável para a Microsoft", escreveu Ballmer.

Na nota, Ballmer afirma que a Microsoft continuará a buscar sozinha seus objetivos para a internet. "Temos um time talentoso e um plano convincente para fazer o nosso negócio crescer por meio de serviços novos e inovadores e negócios estratégicos com outros parceiros", afirmou o executivo. "Com o Yahoo teríamos acelerado essa estratégia, mas tenho certeza de que podemos continuar avançando em direção a nossos objetivos."

A desistência da Microsoft deverá provocar dúvidas entre investidores sobre o que deverá ocorrer com as duas companhias. Quando a Microsoft fez sua primeira oferta, a empresa afirmou que o Yahoo era uma parte importante de sua estratégia para enfrentar o Google. Ao mesmo tempo, alguns acionistas da Microsoft contrários à oferta devem estar aliviados, e a expectativa é de que as ações subam.

Por outro lado, o fim da negociação deverá fazer as ações do Yahoo despencarem e provocar incertezas entre investidores. O Yahoo vem explorando alternativas à proposta da Microsoft, incluindo uma parceria com o Google, o que poderia valorizar suas ações.

Fonte: estadao.com.br

0 Comments:

Post a Comment



Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial