A Fundação Mozilla anunciou um salto na popularidade de seu navegador Firefox, concorrente direto do Internet Explorer, da Microsoft. O navegador acaba de ultrapassar a marca de 400 milhões de downloads, fato noticiado pelos sites Ars Technica e BetaNews. Há dois aspectos por trás do número. O primeiro, negativo, diz que os downloads não significam necessariamente que o software foi instalado. Por outro lado, usuários da plataforma Linux que baixam o Firefox de outros servidores fora da Mozilla não entram na soma, o que traria equilíbrio à estatística. Recentemente a fundação estimou que aproximadamente metade dos usuários que baixam o Firefox nunca faz sua instalação, e metade dos que instalam não se torna usuário permanente. Há menos de dois anos, os desenvolvedores do software comemoravam a marca de 100 milhões downloads. Em julho de 2006, chegou-se ao nível de 200 milhões. A Fundação Mozilla agora trabalha no lançamento do Firefox 3, após lançar a segunda versão do aplicativo em outubro de 2006. O primeiro beta do Firefox 3 deve chegar até o fim do ano. Segundo a fundação, a Eslovênia é o país onde o Firefox é mais utilizado, com aproximadamente 50% do mercado. Em pouco tempo, pode se tornar o primeiro país onde o uso do Internet Explorer seja ultrapassado.

A versão 2007 do software de planilha eletrônica Microsoft Excel vai precisar reaprender algumas das contas que usa para criar tabelas.

Num post do seu blog, o funcionário da Microsoft David Gainer diz que quando usuários tentam multiplicar dois números no Excel 2007 cujo resultado é 65.535, o programa informaria o resultado incorreto como sendo 100.000.

Gainer afirma que o Excel se confunde ao multiplicar 77,1 por 850, 10,2 por 6.425 e 20,4 por 3.212,5. Mas o programa parece estar apto a fazer a conta 4 vezes 16.383,75. Todos essas contas tem o número 65.535 como resultado.

"Testes mostraram um fenômeno similar com o número 65.536", escreveu o funcionário da Microsoft na terça-feira, 25.

Ele diz que o software na verdade consegue fazer a conta, mas falha ao exibir o resultado na tela. Segundo Gaines, o bug é limitado a seis números, de 65.534,99999999995 a 65.535 e de 65.535,99999999995 a 65.536.

A Microsoft está trabalhando para consertar o bug, afirma o funcionário.

O Stanford Racing Team, equipe de corrida formada por engenheiros, pesquisadores e cientistas, anunciou a criação do "Junior", um carro que tem todos os seus recursos controlados por um sistema de Inteligência Artificial e é capaz de dirigir em qualquer ambiente.

O AI do veículo controla desde o acelerador até os seus freios, passando também pelo volante, arranque, entre outras funcionalidades. Para isso, ele conta com inúmeros sensores que ficam espalhados por toda sua carroceria - que é a de um Passat 2006 - além de um laser de 360º, que consegue determinar a topografia do ambiente que o rodeia, e também câmeras e radares instalados em diferentes pontos do automóvel.

Com toda essa parafernália, o carro consegue calcular e seguir as rotas que lhe são determinadas, além de conseguir desviar de outros veículos, circulando entre eles normalmente e respeitando até mesmo os sinais emitidos pelos semáforos. A equipe responsável pelo desenvolvimento do Junior conta com o patrocínio de empresas como Google, Intel e RedBull, entre outras. O modelo pode competir, inclusive, no Grand Challenge 2007, prova organizada pela DARPA (Agência de Pesquisas em Projetos Avançados do Departamento de Defesa dos EUA).

Festival mostrará filmes gratuitamente na internet!

DJ Fat BoyO festival fez um acordo com o provedor de banda larga Tiscali para que seis filmes da programação fiquem disponíveis para o público na rede, ao mesmo tempo em que têm sua première nos cinemas londrinos.
Entre os filmes, está o documentário de longa-metragem Flames in the Looking Glass, que acompanha as vidas de três transexuais indianos que têm Aids.
Também estão incluídos a produção escocesa The Inheritance e um documentário sobre hip hop na cidade inglesa de Brighton que tem participação do DJ Fatboy Slim, South Coast.Os seis filmes ficarão disponíveis para download gratuitamente a partir das 21h no dia em que estrearem.
Também será exibida na internet, durante cinco noites, uma seleção de 15 filmes de curta-metragem de cineastas iniciantes.
O site do festival vai oferecer ainda notícias sobre filmes vistos na noite anterior e entrevistas.
Além dos filmes, a programação do festival Raindance inclui eventos paralelos.
Em um deles, cineastas iniciantes ou aspirantes a cineastas tentarão vender suas idéias de roteiros a um grupo de personalidades do cinema, entre eles o produtor Nik Powell, a diretora do fundo de financiamento do Film Council da Grã-Bretanha, Sally Caplan, e o ator Ewan McGregor.
O consumo de vídeos online explodiu com a proliferação de conexões de banda larga.
O fundador do festival Raindance, Elliot Grove, disse ao jornal britânico The Guardian que a distribuição online oferece a cineastas novas formas de financiar seus filmes.
Segundo Grove, a distribuição online daria a cineastas iniciantes uma oportunidade de encontrar uma audiência sem ter de passar pelo circuito tradicional de Hollywood.
O festival começa no dia 26 de setembro e vai até 7 de outubro.

Olá amigos, este post marca a entrada do Pretog, na blogosfera, o endereço do blog é bem simples http://blog.pretog.com/. Bom, aproveitando este post inicial gostaria de pedir a todos que utilizam o Pretog como seu mecanismo de busca padrão que nos ajude a divulga-lo, pois cada watt de energia desperdiçado é uma agreção ao nosso planeta, sem falar na agreção aos olhos dos nossos usuários/leitores. Bem vou ficando por aqui e espero estar de volta em breve com algo interessante para postar aqui. Abraços.

Postagens mais recentes Página inicial